Feeds:
Posts
Comentários

Archive for março \25\UTC 2009

imagesPor João Caminoto

E o engajamento humanitário de celebridades como Bono prejudica o continente, diz a economista .

Nos últimos 50 anos, a África recebeu US$ 1 trilhão em ajuda. O resultado, diz a economista Dambisa Moyo, foi o aumento da pobreza e da corrupção.

Moyo nasceu na Zâmbia, doutorou-se pela Universidade de Oxford e trabalhou no Banco Mundial. Ela afirma que o continente africano só vai encontrar o caminho do desenvolvimento econômico quando os países ricos pararem de tentar ajudar. Moyo também critica o envolvimento de celebridades ocidentais com a causa africana.

Em seu recém-lançado livro, Dead aid (Ajuda morta), ela sustenta que os legítimos porta-vozes do continente têm de ser os próprios líderes africanos. E diz que a atual crise econômica é uma oportunidade para a comunidade internacional mudar sua atitude em relação à África.

(mais…)

Read Full Post »

Pane no sistema alguém me desconfigurou, aonde estão meus olhos de robô?…pense, fale, compre…Mas lá vem eles novamente e eu sei o que vão fazer: Reinstalar o Sistema” Admirável Chip Novo (Cantora: Pitty).

A mídia está anunciando novos impactos da crise financeira mundial. Uma pseudo-atmosfera de terror está tentando se implantar no imaginário dos brasileiros. Não se assustem, tudo isso é programado.

Não estamos em crise, o BRASIL NÃO ESTÁ EM CRISE. Vamos “expiar” os lucros dos bancos em 2008:

*Banco Safra lucra R$ 843,4 milhões *Nossa Caixa, vendido ao BB lucra R$ 646,5 milhões (uma alta de 113,3% sobre o apurado em 2007)  *O HSBC no Brasil apresentou lucro de R$ 1,354 bilhão (um crescimento de 9% em relação ao registrado em 2007) *O lucro líquido do Bradesco foi de R$ 7,62 bilhões. Aprecie o superávit das demais instituições bancárias no país:lucro dos Bancos em 2008 – parte1-parte2(a melhor)

Nesse sentido, os nossos hermanos (quase indigentes, pobrezinhos) do mercado financeiro estão preocupados com a rentabilidade das suas carteiras. Eu também, se estivesse no lugar deles, não gostaria de ter um lucro inferior em 2009.

A crise financeira nos EUA (sim, eles estão em crise!) provoca alguns reflexos no mundo e no Brasil. Em especial nas organizações que recebem doações internacionais americanas. Por outro lado, diversos outros setores no Brasil tais como: Bebidas, Turismo e Crédito não estão em crise.

O desemprego é um fenômeno existente antes da crise dos EUA, potencializado por algumas variáveis: crescimento tecnológico, baixa qualidade na formação escolar, pobreza, concentração de renda, inclusive a “crise financeira mundial”.

A idéia do mercado está em pressionar o Banco Central – BACEN,  no Brasil, a baixar a taxa de juros básica (SELIC) na perspectiva de reduzir o custo do crédito ao consumidor e estimular a demanda. Este é o receituário do Bank for International Settlements – BIS (Banco de Compensações Internacionais). Ver: BIS – O Banco Central dos Bancos Centrais

Bem, não seria mais interessante uma política expansionista do emprego e da renda para estimular o consumo? Que lhes parece?

O fato é que a política expansionista da renda, por meio de investimentos produtivos, tem efeitos de longo prazo. O mercado é impaciente, não gosta de esperar (nossa! lembrei do meu filho que possui 04 anos de idade e está numa fase de tolerância zero, será que ele vai ser um expeculador financeiro?).

Felizmente, a mãe Economia com sua “Lei da Escassez” atua com disciplina e rigor na tentativa de evitar transtornos bipolares ao seu filho mimado chamado: Mercado (ops! quem é o mercado? será que sou Eu? ou você? onde ele reside? ahh! !!! já sei, tá pensando que eu sou bestinha é? somos nós!).

O desafio está em seguir e praticar os velhos, persistentes, muitas vezes “chatos” conselhos da mamãezinha.

O mundo realmente terá que aprender a viver com menos. É doloroso mais é real. É o preço por não obedecer a mamãezinha…(desculpe mamãezinha Economia, desculpe!)

A majestosa lei da Escassez é soberana (o povo brasileiro conhece os seus efeitos). As famílias compram o que não precisam, com o dinheiro que não tem, seguindo a prescrição mercadológica de um alucinógeno popularmente  conhecido por: Crédito.

Não se desesperem: “com crise ou sem crise” todos precisam trabalhar fortemente para ativar o motor do desenvolvimento da economia do país. Esqueçam os ganhos mágicos do parque de fantasia da Bolsa de Valores. Caiam na real, não alimentem o capital (rimou não foi?!).

Poesias e rimas parecem não combinar com a pane do sistema. O mercado brasileiro, neste momento, aguarda a divulgação da Ata do COPOM sobre a taxa SELIC. Ao que tudo indica, deverá ocorrer uma redução neste índice.

Ufa! preciso trabalhar, corrigir provas, o Mercado não perdoa. Já dizia a mamãe de Karl Marx: “Do que adianta escrever sobre o Capital, se o meu filho não consegue adquiri-lo”.

Hasta Luego!

Ouçam a canção que tocava na casa vizinha enquanto escrevia o post: Admirável Chip Novo – Pitty

Read Full Post »

twitter-zoomed-inFonte: Financial Times

Por: Richard Waters

Dizer algo de convincente em um formato tão compacto é difícil que concorre com milhões de outros meios concisos. Será que esta moda online gerará dinheiro?


À primeira vista, o Twitter tem todas as características de uma moda passageira da Internet. O serviço de “microblogging”, que limita as mensagens a 140 caracteres, tornou-se um favorito entre as celebridades e os inquietos especialistas em computadores e tecnologias, que parecem estar sempre “descobrindo” alguma coisa nova e interessante. Britney usa o Twitter, e Lance também. Barack, é claro, está nesta onda há eras. (mais…)

Read Full Post »

10/03/09 – 09h40

Por: JULIANNA ENNES (Folha Online, no Rio)

Atualizado às 09h48.

A queda de 3,6% no PIB (Produto Interno Bruto) no quarto trimestre, em relação ao trimestre anterior, foi a maior de toda a série histórica do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), iniciada há 13 anos. A maior queda trimestral registrada até então havia sido de 1,9%, no último trimestre de 1996, primeiro ano da série.

O resultado do PIB no último trimestre ficou abaixo das expectativas de analistas ouvidos pela Folha Online. As estimativas eram de que o resultado ficasse em torno de 2,2% negativo.

O economista-chefe da Ágora Invest, Álvaro Bandeira, previa que a queda sobre o terceiro trimestre fosse de 2,1% ou 2,2%. Já em relação aos últimos três meses do ano anterior, deveria ser mantida uma alta, de 1,9%. (mais…)

Read Full Post »

Borboletas

bob-marley

Read Full Post »

Você gostaria de ver se o lado direito do seu cérebro está funcionando corretamente?

Então faça esse teste e descubra agora mesmo.

Abaixo você vê uma imagem. Nela tem uma face de um homem escondida entre as sementes.  Agora pegue um cronômetro e veja quanto tempo você demora para achar o homem.

cerebro1

Veja o resultado. Se você achou o homem em: (mais…)

Read Full Post »

02/03/2009

Ana Paula Ribeiro – Agência Estado


O HSBC no Brasil apresentou lucro de R$ 1,354 bilhão no ano passado, um crescimento de 9% em relação ao registrado em 2007.

O valor é recorde para a instituição no País, onde passou a operar em 1997. Os ativos da instituição tiveram expansão de 58% em 2008, chegando a R$ 112,1 bilhões. “Continuamos a ver o crescimento do ativo total, devido à nossa forte capacidade de captação de depósitos, e a manutenção de confortável nível de liquidez”, disse, em nota, o presidente do HSBC Bank Brasil, Shaun Wallis.

O retorno sobre o patrimônio líquido ficou em 24,3%, abaixo dos 27% registrados em 2007. O total da carteira de crédito chegou a R$ 42,411 bilhões, valor 26,7% superior ao registrado em dezembro de 2007.

As provisões contra devedores duvidosos acompanharam a expansão da carteira, chegando no ano passado a R$ 2,17 bilhões, com evolução de 23% no ano.

Além do crescimento das operações de crédito, o resultado do HSBC no ano passado foi impactado positivamente pela venda das participações na Visa e na BM&FBovespa, que somaram cerca de R$ 163 milhões antes de impostos.

Read Full Post »